Resenha: Uma História de União


Autor: João Leles Martins
Editora: Garcia Edizioni
Paginas:176

Olá amados leitores, tudo bem com vocês? Hoje venho com a resenha do livro "Uma história de União", do autor João Leles Martins, Publicado pela Editora Garcia Edizioni.

O livro “Uma história de União” que conta histórias de duas linda famílias a Martins Couto e Barroso, segundo o autor todos casos contados no livro são verídico, e no livro conta também historias do autor João Leles que nasceu em Quirinópolis-GO um homem cheio de conhecimento que foi adquirido no decorrer da sua vida.
No livro é encontrado histórias interessantes de sua família, as que ele lembra e  algumas outras são seus familiares que as conta.
No finalzinho do livro temos uma grande surpresa o autor traz entrevista de alguns “personagens” do seu livro e temos ainda duas incríveis receitas que vou arriscar fazer parece ser bem saborosas.



"Este livro oferece aos leitores a satisfação de fazer uma viagem no tempo e um aprendizado proveitoso, cujo objetivo dos fatos e causos apresentados autenticam a valorização de todos os acontecimentos, desde os mais imemoráveis até aqueles do qual ele fez parte.
Dividida em três partes, a obra traz relatos pessoais e fidedignos. É dessa forma que se constrói vidas, personalidades e afeições.
Em Uma História de União se encerra toda a leveza e descontração do autor, bem como, a sua capacidade de juntar almas e de fazer ressurgir o que estava quase esquecido.
Indo além do que o leitor pode constatar durante o prazer da leitura, o autor mostra a sua capacidade de nos fazer descobrir a importância das próprias origens; da inocência infantil; dos laços consanguíneos."
(Trecho do Prefácio de Kátia Eli Pereira)

O Livro em si é dividido em três partes temos a primeira com as historias  divertidas, com casos do “Tio Abel”, “A Inteligência do meu irmão”, “O Soldado que não foi pra guerra”, cada capitulo é um caso novo, são curtos tornando a leitura rápida a segunda as entrevistas,e mais casos temos também uma receita de Geleia á moda dos couto, e na terceira parte se encontra as receitas,crônicas e algumas fotos dos familiares.



No decorrer do livro lembrei do meu avô que a pouco tempo faleceu, lendo esse livro foi como voltar ao passado onde ele me contava belas historias sentado próximo a fogueira. Gostei de vários casos e super indico esse livro a quem gosta desse gênero.


Onde comprar:

Chiado Editora: AQUI
Saraiva: AQUI

Resenha: O Grande Martelo

Sinopse: Lip e Chip eram dois garotos que viviam em um mundo criado sobre as  maravilhas deixadas pelos Antigos. Uma delas era o Grande Martelo. Uma enorme arma nunca antes usada, descoberta pelo grande Rei Dourado, o único que conhecia sua devastadora capacidade destrutiva. Naquela tarde ensolarada e bonita, Lip e Chip iriam lamentar profundamente o fato de o rei nunca ter contado para alguém como a arma funcionava.




Olá queridos leitores, tudo bem com vocês? Hoje venho com a resenha do Livro "O Grande Martelo" que recebi de parceria com o Grupo Editorial Scortecci, livro do autor Silvio Alencar, com ilustrações de Henrique Gonçalves.

O que me chamou muita atenção e foi um dos principais pontos para escolha do livro foi que o livro foi vencedor do I Concurso Literário Afeigraf - 2016, na categoria  Livro Infanto-juvenil Ilustrado, demostrando a qualidade do livro com a escrita e as ilustrações!

Com uma linguagem de fácil entendimento, uma leitura que flui muito bem, um livro curto de leitura rápida, com ilustrações bem trabalhadas em cada traço, Silvio Alencar e Henrique Gonçalves estão de parabéns com essa obra, mereceram ganhar o Concurso Literario Afeigraf!




Lip e Chip eram dois garotos que viviam em um tempo em que todos tinham esquecido de tudo, complicado de entende? pois bem, uma terra onde tinha esquecido tudo, como um simples nome de objeto, afinal oque é um objeto? oque é escuro? oque é uma luz? um tempo onde tudo era desconhecido e tudo era novidade.

Lip era aprendiz e trabalhava com o mestre maquinista Fern, na grande e misteriosa torre, conhecida como o grande martelo, uma grande arma que escondia grandes mistérios, desconhecido por todos, Fern era o único que tinha um pouco mesmo que minimo conhecimento sobre o grande martelo.

Muitos mistérios se escondem, sobre esse grandioso martelo deixado pelos povos antigos. Uma grande guerra estava por vim com grandes criaturas poderosas, seria a hora de usar essa misteriosa arma? Lip e Chip não sabiam das aventuras que teriam de enfrentar.

Livro classificado como Infanto Juvenil mais que facilmente pode ser lido por qualquer idade com uma escrita bem divertida. A Scortecci caprichou nesta edição, com um material de qualidade, folhas coloridas, ótima diagramação!

Então é isso pessoal espero que tenham gostado, Grande Abraço Literário!

Compre o Livro: Aqui

Resenha: A Alcova da Morte

Autores: Enénias Tavares - Nikelen Witter - A.Z Cordenonsi
Editora: Avec Editora
Páginas: 238

Oii gente! vamos falar de livro bom? a resenha de hoje é de um livro simplesmente incrível! Guanabara Real - A Alcova da Morte, publicado pela editora Avec, vamos de resenha que logo falo com vocês da edição lindíssima!

Saber o nome das pessoas era uma arma.

Era no ano de 1892, na cidade de Rio de Janeiro que nunca existiu, foi em um evento em Corcovado que aconteceu um crime, que abalou toda a cidade carioca. 

Já de cara com o livro conhecemos Maria Tereza Floresta, simplesmente, é uma investigadora particular e proprietária da Agência de Detetives Guanabara Real. Havia um crime, precisavam de investigações, precisavam de cenas, exigiam esclarecimentos sobre o tal crime, a tal morte, e o caso,  todos naquela cidade estava preocupados.

Pedro Flores, filho de Sr. William, o rapaz morto durante a inauguração da estátua do corcovado, tinha por volta de 15 á 16 anos, era forte e violento, fora morto numa sala construída no seio de uma rocha 

Isso já bastava, Maria Tereza e seus companheiros Firmino Boaventura e Remy Rudá iriam resolver esse caso, havia muitas coisas a serem investigadas. Rio de Janeiro estava vivenciando um grande mistério.



A investigação policial estavam apenas começando, Srta. Floresta e seus companheiros de trabalho poderiam está passando por um horror sobrenatural, mas a certeza era que eles iriam descobrir de vez por todas, o por que da morte de Pedro Flores, aquela agência de detetives teriam muito trabalho, um mistério, um caso a ser resolvido.

A tal alcova escura existia, um homem fora morto dentro dela, seria um caso interessante, o que teria ali de tão precioso para ser tão preservado.

Nesse mundo fantástico, queremos com simplicidade saber, como Pedro Flores foi morto? de onde veio tanto sangue? e o por que de ter sido morto naquele dia considerado tão importante para aquela sociedade? 

Com isso em mente, saiu para a rua, deixando aquele reino de mortos e loucos para trás.



A alcova da morte é um livro, por incrível que pareça, do gênero romance, onde a ficção cientifica, o horror sobrenatural e a investigação policial de detetives, assuntos diversos e envolventes que não somos capaz de deixar o livro lado, as aventuras são o ponto forte dos autores, que escreveram tão bem a trama, que foi uma mistura dos três em um, que ficou incrível!

Uma leitura muito agradável, principalmente por escolherem um ano antigo, onde os costumes, as vestes eram diferentes, mas não tão desigual. 

A narrativa é rápida, porém não deixa as aventuras de lado, as criticas sociais, os preconceitos e as desigualdades da sociedade.

Os personagens criados foram todos ótimos, elaborados e acredito que bem estudados, cada qual com sua personalidade e modo, cada qual com sua característica e seu desenvolvimento no livro, amei cada um. 

A obra toda em si está excelente, parabéns pela Editora Avec mais uma vez! por publicar um livro de ótima qualidade, diagramação muito boa e detalhes incríveis, que só na hora da leitura sentimos o quanto faz sentido e foi essencial. Parabéns novamente, estão arrasando com todos os livros publicados e desejo com muito carinho, um sucesso enorme!



Acho que já deu para perceber o quanto amei o livro, quando chegou no fim, fiquei sem acreditar! A Alcova da Morte terá uma continuação, já estou ansiosa, muito mesmo, mas não para saber do fim, tenho certeza que  Enénias Tavares, Nikelen Witter e A.Z Cordenonsi terão mais mistérios para os grandes corações dos leitores, estou realmente ansiosa, pois os autores simplesmente criaram uma história diferente de tudo que já li!

Parabéns pelo bom trabalho dos autores, desculpem mas eu realmente esperava muito desse livro, e tive muito mesmo! todas as minhas esperanças ficaram de cara no chão ( se é que posso dizer isso ) os três heróis que são os três autores foram incríveis, Parabéns! 


Eu indico esse livro para todos os leitores afim de um grande mistério, aqueles que curtem sentar ao lado do personagem e bater papo com ele e investigando quem seria o tal criminoso rsrsrs, realmente essa obra é para ser indicada e repassada! Amei mesmo e indico para todos. 
   
Espero que tenham gostado da resenha, sei que vários ai que lerão estão afim de já clicar e ir direto para compra, vou deixar aqui em baixo o link onde comprar. Um grande beijo!!

Lidos 2017: 23

Onde comprar: 

Saraiva ( acompanha pôster ) : AQUI 

AVEC Editora: AQUI 

Resenha: Sob o Olhar Grego

Autora: Bella Crestan
Editora: Alternativa Books
Paginas: 134

Olá amados leitores, tudo bem com vocês? Hoje venho com a resenha do livro "Sob o olhar grego", da autora Bella Crestan, Publicado pela Editora Alternativa books.

Sob o olhar grego conta a estória de “Be” uma menina linda de cabelos loiros, de pele clara, que teve um passado turbulento, Be é uma garota super tímida, o que a impedia de fazer amigos, trabalha em um pequeno jornal mas sua paixão era a escrita, ao cair de mas uma noite ela se entregava á sua grande paixão, ela escrevia vários parágrafos até que o sono a pegou de jeito mas antes de ir pra cama decidiu da uma olhada no email onde viu um email sobre uma viajem para Grécia com um preço incrível ela nem acreditou mas não podia viajar tinha muitas coisas para colocar em ordem em sua casa, ao acordar Be chega ao seu trabalho onde vê uma movimentação mas acaba não ligando, logo depois ela escuta seu nome na conversa e decide ver o que era, Mariana uma terrível colega de trabalho queria mudar a data de sua férias com Be sem nem antes a consultar.

-Vou para a Grécia, a ilha de greta. Vou sozinha mesmo, já comprei as passagens e tudo. Desculpa queridinha, mas vai ter que se contentar com o mês que tem, eu não vou mudar minha viagem por você!

Sua vida vai mudar completamente naquela viagem novas amizades, parceria e talvez um romance começasse a surgir, vai ficar fora dessa? Venha conhecer essa incrível estória e Be que com seu encanto e simplicidade encanta todos ao seu redor.

De repente o mundo  ficou quieto, como se todo o universo desaparecesse... Será que era o amor acontecendo ali?





Um livro de leitura rápida e dinâmica, o que mais me deixou encantada com a obra e que em nenhum momento ele ficou uma leitura cansativa, fluía naturalmente. Mais um para minha lista de favoritos.

O livro em si é incrível, a edição do livro está linda, a diagramação, a capa está magnífica.

Recomendo essa obra para amantes de um bom romance, e apreciadores de uma escrita leve.

Onde Comprar:

Alternativa Books: AQUI

Resenha: Formigas - Lições da sociedade mais bem-sucedida da terra


Autores: William Douglas e Davi Lago
Editora: Mundo Cristão
Páginas: 128
Categoria: Negócios

Olá queridos leitores, tudo bem com vocês? hoje venho com a resenha de um livro diferente de tudo que já resenhei aqui, livro da Editora Mundo Cristão, escrito pelos autores William Douglas e Davi Lago. Um livro que prometia muito, e superou todas as minhas expectativas, um livro que mudará sua visão em relação as "Formigas".

Você já parou para observar as formigas? oque elas fazem? e como elas fazem? um simples detalhe que com nossa vida rotineira, passa despercebido, um simples detalhe que serve de lição para toda a sociedade, é "uma lição da sociedade mais bem-sucedida da terra".


'O sábio aprende observando as formigas', diz o texto sagrado, e foi oque os autores William Douglas e Davi Lago, fizeram neste livro, seguiram exemplos de notáveis como Esopo, Mark Twain, H.G. Wells, Olavo Bilac e Lygia Fagundes Telles. Com reflexões sobre apenas quatro versículos do livro de Provérbios, os autores conseguiram elaborar princípios capazes de levar pessoas comuns a reflexões úteis para o dia a dia.

É um livro de leitura rápida, de apenas 128 paginas, que possuem 10 lições bem elaboradas com embasamento bíblico, ensinamentos estes que os autores tiraram ao observar as formigas, com ótima escrita que você tem a possibilidade de ler em um dia, eu resolvi e recomendo ler uma lição por dia ou semana, a fim de ter tempo para colocar  uma lição de cada vez em pratica, "saborear" mais o livro, e poder notar alterações que vão causando em sua vida quando "você para para observar as formigas e aprender com elas!" O resultado vem sendo perfeito!


A cada lição que lia, tirava um ensinamento! O legal era que as lições se equilibravam bastante! Impossibilitando determinar uma lição que tenha sido a mais importante que as outras, tornando todas as lições importantes, impossibilitando que você fique pulando de paginas procurando só oque é essencial para você. Um livro que pode ser lido por pessoas de todas as raçasreligiõesidades, sexo, vida social e financeira, uma livro de ensinamentos global!

Durante a leitura me perguntava: "As vezes as formigas causam grandes estragos em plantações e casas, isso seria um ponto negativo?" mas com um pouco de leitura sobre o assunto me veio o entendimento de que "as formigas são muito úteis para a fertilização do solo e até para controle de outras pragas" e também que "Elas só agem como pragas em ambientes alterados pelo homem, pois em áreas naturais fazem parte do equilíbrio ecológico."



Deus sendo omnipotente, as formigas criou, Salomão sendo o maior sábio as observou.

O poderoso Rei Salomão, quando em certo dia cruzava o deserto na companhia de sua corte, passava ao lado de um formigueiro. Salomão, que não era apenas um rei, mas também um profeta, possuidor de muitos dons impressionantes, incluindo o de acalmar os animais, resolveu observar as formigas .

Muito obrigado a Editora Mundo Cristão pela cortesia, livro bem elaborado, em perfeito estado, ótima diagramação, é um material de excelente qualidade! E o agradecimento também aos autores por ter escrito essa obra maravilhosa.

Leu o livro? Aprendeu com as formigas? Não!! Então releia o Livro.
Tenho certeza que este livro vai edificar sua vida, como tem ajudado a edificar a minha!
Seja sábio, aprenda com as formigas!

Resenha: O Exilado Político Vegetariano

Autor: Alexandre Kostolias
Editora: Jaguatirica
Páginas: 211

E se você fosse preso por ser Vegetariano? o que faria? ficaria por tempos em uma cela por coisa estranha ou tentaria mudar?

Hernán López foi arrancado de sua cama ao amanhecer, estava em um sono profundo, até que se transforma em um surto de horror, fora agarrado pelo braço, arrastado e algemado e agora foi atirado em uma cela. Ele não sabia o que estava acontecendo, não entendia o por que daquilo.

Tem que haver algo de errado nessa história. Devo ter sido preso por engano, me confundiram com outro..

Hernán era vegetariano, tinha aversão por carne e era argentino. Muitas semanas se passaram, e foi ai que ele tomou uma decisão que assim que saísse daquele lugar iria se mudar, iria se mudar para um lugar distante, onde pudesse ser livre, e não fosse preso por comer couve ou sopa de ervilha.

Agora tinha liberdade, e aí que o romance entra, Hernán se apaixonou por Jude, apesar da moça ter 30 anos, nunca tivera um amor de verdade, até então. 

Temos ainda muita aventura por vir, grandes surpresas e um romance tanto quanto diferente.


 - Ótimo, ás vezes é melhor não se saber das coisas. Aliás, o desconhecimento é uma grande virtude, uma benção dos céus, talvez a maior de todas. Aqueles que ignoram são mais felizes e tem mais esperança.

Essa capa é lindíssima, as cores deu mais alegria! Achei a edição da Editora Jaguatirica, simples e incrível. Alexandre Kostolias arrasou com a escrita, amei a forma de quem que produziu essa obra, achei os personagens bem trabalhados, cada qual com sua personalidade é incrível. 



Romance, o livro é considerado fatos reais, mas a ficção não fica longe do leitor. Realmente aprendi muito com esse livro, ensinamentos reais. O autor trouxe um assunto mais sério, porém com sua escrita adorável, de fácil entendimento e com o seu jeito próprio, fez com que que desse alguns risos soltos, aprendi realmente muito do que eu não sabia, como Budismo, recomendo muito esse livro para todos, 
Venha saborear esse livro, que é um prato cheio de verduras e ensinamentos!


 - Que custa você comer uns bifes de vez em quando e fazer cara alegre, só para agradar aos demais e evitar suspeitas? A sua recusa em comer carne pode, potencialmente, conduzir á pertubação da ordem social. Daí para a pertubação da ordem política é um pequeno passo.


Espero que tenham gostado e se interessado bastante nessa obra, acompanhe;

Onde comprar: 

Editora Jaguatirica: AQUI
Saraiva: AQUI
Submarino: AQUI
Americanas: AQUI

Lidos 2017: 22

Resenha: Tudo que é Feio Sujo e Necessário

Autor: Júnior Ratts
Editora: Substânsia
Páginas: 76
Gêneros: Contos

Olá amados leitores, tudo bem com vocês? Hoje venho com a resenha do livro "Tudo que é feio, sujo e necessário", do autor Júnior Ratts, Publicado pela Editora Substância no ano de 2015.

Um livro super diferente onde é contado sete estórias comovente sobre o mundo da homossexualidade, estava com um certo receio no inicio mas ele foi bem legal. Nele contem vários tipos de estórias entre as alegres e tristes a cada pagina virada é uma nova descoberta.
No livro é retratado a dificuldade passada por eles e um grande vilão, em algumas das histórias é a solidão
A terceira foi a que mais me comoveu “Andre e Leandro foram ao mar” essa estória e me fez refletir...
 A escrita de Júnior é leve e de bom entendimento, uma historia que prende do inicio ao fim, mostrando atitudes, agonias e insistências.

Ele podia agora levar a mão lá no profundo e depois trazê-la de volta, sem culpa alguma. Exibindo alguns dos dentes - um quebrado e dois cariados - o homem não se sentia tão velho nem tão feio; podia sorrir o sorriso da alegria e do gozo e podia gozar com seus pensamentos que envolviam terra, sementes, mãos e líquidos brancos, transparentes, vindo soltos, escorregadios, pelas mãos, por baixo, pela terra.

Para mim não foi uma maravilhosa leitura, não curto livros desse tipo, porém foi regular, gostei de vários detalhes do livro, como imagens e as cores que se dão há ele.



 Não percam tempo! vão ler essas estórias, recomendo. Adorei a capa, a diagramação mostra o carinho que a editora Substância teve sobre o livro e super recomendo pra que gosta desse gênero.

Espero que tenha gostado da resenha, para saber mais sobre o livro, visite; AQUI . Um grande beijo! 


UNBOXING

Oii gente! mais um unboxing para vocês acompanharem direitinho o que vamos ter aqui, as coisas novas que chegaram, assim vamos ter em especial resenhas, fotos entre várias outras coisas, acompanhe:




Livros citados:

Homens e Anjos - Um amor para toda a vida- Luciana Oliveira
Link para compra: AQUI


Delirios do poder - Paulo Cury 
Link para compra: AQUI


Editora Mundo Cristão

Livros
Formigas - Lições da sociedade mais bem-sucedida da terra - William Douglas e Davi lago
Link para compra: AQUI


Discipulado - Dietrich Bonhoeffer
Link para compra: AQUI


Então foi isso, espero muito que tenham gostado, deixem seus comentário do que acharam, dê like e se inscreve no canal, assim vocês podem ajudar muito essa família linda do Febre de Livro 

Siga-nos
Twitter

Facebook
Youtube
Instagram

Resenha: O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa ( The Chronicles of Narnia )

Autor: C. S. Lewis, Lewis Carroll
Editora: WMF Martins Fontes 

Número De Livros: 7
Título original em inglês: The Chronicles of Narnia

Oii gente! a partir de um projeto estou finalmente lendo As Crônicas de Nárnia, conhecida por ser uma série considerada clássica da literatura, romance de altas fantasias. E hoje vim trazer para vocês a resenha da segunda crônica, comentem aí embaixo qual a próxima resenha das 7 crônicas vocês querem que eu faça, ou querem todas?


Era um vez duas meninas e dois meninos, Susana, Lúcia, Pedro e Edmundo. Em época de guerra em Londres. Foram para casa de um professor, o Digory Kirk, que era um homem velho de cabelo desgrenhado, branco, solteiro que morava em uma casa muito grande. 
Com tédio de ficarem parados em um lugar onde tinham tantos cômodos, resolveram conhecer melhor o lugar onde iriam ficar, e foi aí que começaram as aventuras.

-Há um plano ainda não sugerido por ninguém, e que talvez valha a pena experimentar.
-Qual?
-Cada um cuide de sua própria vida.


Após lhes adentrarem e olhar tudo oque tinha naquela casa enorme, encontraram um cômodo com apenas um velho guarda-roupa, todos não acharam interesse, menos Lúcia, a mocinha com sua grande curiosidade adentrou naquele estranho móvel e fora parar no meio de um bosque, não sabia onde estava e por que lá estava fazendo tanto frio, até que encontrou uma coisa, era um pouco mais alto que ela, da cintura para cima parecia um homem, mas as pernas eram de bode tinha também cauda e uma cara estranha  era um fauno, Lúcia vira um fauno!. Tumnus era o seu nome. 




Lúcia voltou para casa com pensamento que estava por fora á horas, porém não estava, ela contou tudo o que viveu naquele tempinho, mas seus irmãos não acreditaram e duvidaram, acharam que estava inventando mais um coisa boba de menininha, mas o que eles não sabiam é que tudo aquilo era verdade, Lúcia entrou em outro mundo pela porta de um guarda-roupa mágico e ficou fora por horas.


E tudo passou, Lúcia desistiu de insistir para os irmãos. Em uma brincadeira de esconde-esconde Edmundo se esconde no famoso guarda-roupa mágico dito por Lúcia, e para a surpresa dele realmente existia um novo mundo após o guarda roupa, sem saber onde estava, dá de cara com a Jadis, a Feiticeira Branca.

Como todas as pessoas de juízo sabia muito bem que nunca devemos nos fechar dentro de um guarda-roupa.

A feiticeira branca faz a cabeça do pobre menino, dava-lhe a coisa que mais gostava, manjar turco em troca de informações. Após Edmundo voltar para casa do professor, certo de que iria mesmo assim debochar da sua irmã, fala que tudo o que Lúcia dizia era realmente coisa da cabeça dela, que ela era uma completa mentirosa. Mas acabaram todos no tal lugar, que era chamado de Nárnia. Agora todos daquele lugar e os próprios acreditam que são realmente filhos de Adão e Eva que foram para lá, para salva-los da temida Feiticeira Branca. Porém Aslam, estava chegando, o leão não tomaria conta sozinho de todo aquele mal, mas ajudaria as crianças, ele guiaria a batalha conta a Feiticeira.



As aventuras de Nárnia estava apenas começando, temos mortes e muita magia ainda por vir, aquele velho guarda-roupa mágico ainda trará grandes histórias e aventuras nesse mundo onde todos falam, faunos, castores, minotauros, resumindo, animais. E ocorrem batalhas entre o bem e o malTemos como pano de fundo uma história prazerosa e cheia de surpresa. Tenho certeza que você não irá encontrar nada parecido com Nárnia ou até encontrar Nárnia, mas se encontrar, me avise. 

Se alguém chegar na frente de Aslam sem sentir medo, ou é o mais valente de todos ou então é um completo tolo 

Para quem ainda não leu ou não assistiu o filme, por favor! está esperando o que! mas, acredito que todo mundo aqui já aproveitou um pouco de Nárnia, né? ou não? 


Não se deve acusar de mentirosa uma pessoa que sempre falou a verdade.

Resenha: Um Passeio no Jardim da Vingança

Autor: Daniel Nonohay
Páginas: 301
Editora: Novo Século
Coleção: Talentos da Literatura Brasileira

Tudo começou quando Ramiro sente muita dor, dor branca, acordara em um hospital, com dor na cabeça e no pescoço, sentia-se suando, não se lembrava por qual motivo estava ali, ou quanto tempo.

Ele fora vítima de um atentado terrorista, todos em sua volta que trabalhava ao seu lado estavam mortos, apenas ele havia sobrevivido daquele caso. Estava exatamente desde que acordou dois meses e meio de coma no hospital, a dor era o pano de fundo, queria vingança!

Ramiro Souza de Braga, é um advogado desgastado pela idade e pelas drogas, rico e sem objetivos. É casado com uma mulher que não ama e é sócio de um escritório de advocacia em Porto Alegre. Após ter o grande gosto de quase perder a vida, tenta voltar tudo ao normal depois de tanto tempo, mas, a sede de vingança era grande o suficiente. Ficou tempos no hospital, sem poder fazer nada, muito menos adquirir uma das coisas que lhe fazia bem, as drogas. Todos na empresa queria derrotá-lo, não era mais bem-vindo no seu local de trabalho.

O livro é dividido em duas partes Presente, Passado e Futuro. O autor traz diversos personagens, cada um com sua personalidade.



A verdade é ferina 

Um Passeio no Jardim da Vingança traz o futuro, onde a tecnologia avançou incrivelmente, é um livro de ficção policial, uma boa obra narrado pelo próprio personagem principal. traz-se um enredo impressionante, admirei bastante a escrita do autor, Daniel Nonohay, porém não foi uma leitura prazerosa para mim, confesso que arrastei um pouco na leitura. mas vi grande potencial do autor.

O livro em si é incrível, e especialmente indico para quem gosta do gênero. Daniel trouxe um Porto Alegre de ameaças, estrupo, drogas . Um narrativa intensa. A edição do livro está linda, a diagramação, a capa está arrasadora, amei a capa que leva consigo o selo do Talentos da Literatura Brasileira, publicado pela editora Novo Século no ano de 2016.




Lidos 2017: 15 

Onde comprar:

Novo Século: AQUI
Saraiva: AQUI